Prova de Professor de História

SEDUC/CE - 2009
CESPE

Baixe provas e gabaritos 6

Veja também

Na íntegra

                                                                                                   UnB/CESPE – SEDUC/CE – D7

QUESTÃO 31 QUESTÃO 37

Organizar os fatos históricos de forma encadeada, seguindo Surgida no século XIX, alguns anos após a independência, necessariamente uma relação determinista de causas e constituiu-se na principal instituição científica de apoio ao Estado consequências, eis o papel do historiador segundo a corrente brasileiro na definição de políticas de construção da identidade nacional. Assinale a opção que identifica corretamente essa A marxista. instituição. B positivista. C Escola dos Annales. A Associação Nacional de História (ANPUH) D Nova História. B Academia Brasileira de Letras (ABL) QUESTÃO 32 C Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro (IHGB) No século XIX, Marx e Engels sistematizaram uma análise histórica D Associação dos Geógrafos Brasileiros (AGB) que se pretendia inovadora, tendo por referencial teórico- QUESTÃO 38 metodológico o Definir a identidade nacional foi papel assumido pelo Estado A idealismo platônico. Nacional brasileiro durante a Era Vargas, particularmente em sua B positivismo alemão. fase autoritária. Essa fase, entre 1937 e 1945, denominou-se C realismo aristotélico. D materialismo histórico. A Brasil Grande. QUESTÃO 33 B Estado Novo. C República Civilista. A crença no caráter científico da história, mesmo tratando-se de uma ciência em processo de construção, e a passagem da história- D República Oligárquica. narração para a história-problema são aspectos característicos da QUESTÃO 39 corrente historiográfica conhecida como A reforma do ensino (Lei n.º 5.692/1971), determinada pelo regime A Escola dos Annales. militar instaurado em 1964, praticamente retirou a autonomia B Escola de Frankfurt. científico-pedagógica da história e da geografia, ao converter ambas C Escola de Mileto. as disciplinas em uma área denominada D Positivismo. A Moral e Civismo. QUESTÃO 34 B Ciências Sociais. Um conceito fundamental utilizado pela historiografia marxista é a C Estudos Sociais. D Problemas Brasileiros. A imobilidade da sociedade. B diminuta importância da economia. QUESTÃO 40

C luta de classes. A questão do civismo foi retomada pelo regime militar iniciado em D valorização da figura do herói. 1964, preocupado com a política de construção de uma identidade QUESTÃO 35 cultural sintonizada com a visão de mundo defendida pelos detentores do poder. Em geral, esses governos militares Os aspectos marcantes da significativa renovação historiográfica desencadeada pela Escola dos Annales, a partir dos anos 20 do fundamentavam suas atitudes na século passado, incluem A doutrina de segurança nacional. A ampliação dos objetos a serem estudados pela história B filosofia do estado do bem-estar social. B insistência em privilegiar os indivíduos e os fatos isolados C doutrina social cristã. C ênfase absoluta aos estudos de história política D doutrina neoliberal. D ausência de intercâmbio com as demais ciências humanas QUESTÃO 41 QUESTÃO 36 Nos anos 80/90 do século passado, coincidindo com o colapso do Sob o impacto das revoluções liberais burguesas, cujo símbolo regime militar e o início da nova redemocratização brasileira, houve maior foi a Revolução Francesa, o século XIX assistiu ao profunda reflexão sobre educação e ensino de história. Esse período surgimento do ensino da História no sistema educacional que se ficou conhecido como organizava. Não por mera coincidência, era esse o contexto de

A descentralização feudal. A fase de recriação da história positivista. B expansão cristã (Cruzadas). B era do repensando o ensino da história. C cisão na cristandade (Reforma). C era de reação às inovações curriculares. D afirmação do Estado Nacional. D fase de hegemonia da história factual.

                                                                                                                                 –6–

Nas questões a seguir, marque, para cada uma, a única opção correta, de acordo com o respectivo comando. Para as devidas marcações, use a Folha de Respostas, único documento válido para a correção das suas respostas.

                                   CONHECIMENTOS BÁSICOS

37'56“1  37'56“1 

Considerando as correntes do pensamento pedagógico brasileiro, Com base na teoria das inteligências múltiplas de Howard assinale a opção correta. Gardner, assinale a opção correta.

A A pedagogia tradicional tem como principal característica o A A capacidade ou o estágio de desenvolvimento em uma área ensino humanístico, voltado para a plena realização do aluno, decorrente de seu esforço pessoal. de desempenho e as capacidades ou os estágios em outras B Para a pedagogia liberal, a função da escola é preparar os áreas ou domínios possuem necessariamente ligação e indivíduos para desempenharem seus papéis sociais, interdependência. considerando-se as diferenças de classes sociais e a realidade B Inteligência é a capacidade de resolver problemas ou de criar do aluno. produtos que são significativos e valorizados em um ou mais C A tendência liberal renovada enfatiza o contexto social e a ambientes culturais. cultura e considera a escola um meio para libertar o aluno C As habilidades humanas são organizadas horizontalmente, das práticas opressoras da sociedade de classes. com a existência de uma faculdade da mente geral que D A pedagogia renovada destaca a importância dos conteúdos como instrumentos fundamentais de participação social e articula as competências intelectuais específicas. inserção do aluno no mundo adulto. D As inteligências específicas funcionam de maneira própria, 37'56“1  isoladas umas das outras, e os indivíduos possuem habilidades básicas em algumas inteligências. Com relação à didática na atualidade, assinale a opção correta. 37'56“1  A As estratégias de ensino e de aprendizagem devem priorizar Assinale a opção correta acerca do planejamento e da gestão a transmissão de conteúdos para aquisição de conhecimentos, de modo a tornar o ato educativo mais educacional no contexto atual. eficiente. B A sala de aula é compreendida como o local de A A gestão educacional é um meio pelo qual se observa a aprendizagem, e o professor deve usar as estratégias realidade e se identificam os problemas com vistas a buscar didáticas apropriadas para que a aprendizagem ocorra. soluções que contribuam para a melhoria da qualidade da C O ensino é visto como prática social e insere a educação. problematização da prática pedagógica no contexto social e B Planejamento é um processo social de formulação de institucional em que ocorre, considerando a práxis políticas públicas que se constitui em um instrumento pedagógica. D O planejamento da atividade docente determina as ações tecnocrático independente da realidade social. pedagógicas de forma objetiva, de acordo com os interesses C Planejamento e gestão são processos distintos e prioritários estabelecidos pela sociedade. independentes que fazem parte do contexto educacional. 37'56“1  D A gestão educacional é função específica do gestor e deve ser verticalizada e centralizada para racionalizar as decisões Assinale a opção correta acerca das teorias do desenvolvimento que levem à transformação do sistema de ensino. e da aprendizagem. 37'56“1  A O inatismo considera que as características individuais básicas são hereditárias e inerentes ao indivíduo e que as Assinale a opção correta com relação à concepção de currículo na formas de conhecimento são aprendidas com a experiência. atualidade. B Na visão comportamentalista, aprendizagem significa modificação de comportamento, e as características A O currículo deve ser neutro para possibilitar o sucesso individuais são determinadas pela interação com o meio. escolar do aluno. C O interacionismo considera que só se pode atribuir uma B O currículo ainda hoje constitui-se na divisão das disciplinas capacidade, um traço ou um comportamento humano às suas que devem ser ensinadas ao aluno. transações sequenciais, dissociando-se o aspecto biológico do social. C O currículo possui uma dimensão político-pedagógica que D O cognitivismo considera que os sujeitos são ativos e pode reproduzir desigualdades sociais. criativos e organizam as experiências conscientes em D O currículo contempla estritamente os aspectos formativos unidades e padrões de significados. da educação escolar.

UnB/CESPE – SEDUC/CE Conhecimentos Básicos (para todos os candidatos) –1–

                                          w ww.provasbrasil.com.br
                        "9:;<=9>                                     CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

37'56“1  37'56“1 

Acerca do conceito de História, é correto afirmar que essa As categorias de espaço e tempo são normalmente ciência aceitas pelos historiadores como formas objetivas da existência da matéria. Eles tendem a esquecer que a matéria da história é A estuda fatos do passado das sociedades humanas e, portanto, altamente específica e que as categorias de espaço e tempo não pode fornecer análises precisas. podem ser entendidas em um mesmo nível quer se apliquem ao

B interpreta o passado das sociedades humanas no tempo e no mundo natural ou às sociedades humanas.

 espaço e está sujeita à própria dimensão histórica.                                                         Aaron Gurevich. Categories of medieval culture.
                                                                                                             Londres: Routledge, 1985, p. 26 (com adaptações).

C analisa o passado das sociedades humanas para compreender A especificidade da história à qual se refere Aaron Gurevich no o presente e prever o futuro. fragmento de texto acima é a D pesquisa o passado das sociedades humanas no intuito de encontrar as origens da nossa civilização. A metodologia científica, que possibilita conhecer com 37'56“1  precisão diferentes medidas de tempo e de espaço do passado. A História como mestre de vida (magister vitae) é uma B dificuldade que as sociedades pré-modernas tinham de concepção que tem longa tradição no ocidente. Tal ideia mensurar corretamente o tempo e o espaço. confronta o historiador com o problema C subjetividade que envolve a percepção que cada sociedade tem com relação às categorias espaço e tempo. A da generalização. D escassez de documentos históricos, que impede um B da falácia. conhecimento seguro com relação às categorias espaço e C do historicismo. tempo. D do comparativismo. 37'56“1  37'56“1  A cronologia do ocidente tem os anos 476 (queda do Império Os fatos falam por si. Naturalmente, isso não é verdade. Romano do ocidente), 1453 (queda do Império Romano do Os fatos falam apenas quando o historiador os aborda; é ele quem oriente) e 1789 (início da Revolução Francesa) como marcos decide quais os fatos que vêm à cena e em que ordem e contexto. fundamentais de sua história. Entretanto, essas datas têm sido E. H. Carr. Que é história? Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1996, p.14-5. questionadas pela historiografia mais recente porque

A mudança de abordagem da História, à qual o texto faz alusão, A há vastas regiões do ocidente onde os fatos aludidos não deve-se provocaram rupturas significativas no seio da sociedade. B existe um movimento de contestação que luta por derrubar A ao positivismo, que propiciou a aplicação de métodos a supremacia cultural da Europa e a imposição de sua científicos à História, afastando-a do narrativismo. cronologia. B à Escola dos Annales, que incentivou uma interpretação C existem sérias dúvidas quanto à exatidão das duas primeiras, problematizadora da História. gerando especulações entre especialistas de história antiga e C ao estruturalismo, que aproximou a História da Antropologia medieval. e permitiu análises de longa duração. D há um consenso entre os historiadores com relação à D à pós-modernidade, que relativizou as interpretações descoberta da América (1492) como um momento de históricas e trouxe a noção de verdades relativas. grandes mudanças no ocidente.

UnB/CESPE – SEDUC/CE Disciplina 7: História –1– 7